Olá alunos de Reorientação em Artes Visuais Noturno, desejamos boas vindas a este curso. Esperamos que atendam à expectativa de voces, que dê subsídios para que possam enriquecer sua prática pedagógica, planejando aulas que tenham qualidade, consistência e aprofundamento. Que sejam vivências conectadas com a realidade dos estudantes e que transitem com as tecnologias.

quarta-feira, março 09, 2011

Dailymotion Phommes Happening

video

Que questões vocês abordariam por meio deste Happening.
Obs.: Postem seus comentários.

7 comentários:

CirandaAV disse...

fgddhhe

Seilla Carvalho disse...

É perceptível a estupefação no gestual das pessoas que transitam o local. Talvez um desejo _ainda que contido_ de interferir de alguma forma, no cenário, repetindo o movimento, afastando-se apressadamente dali, ou mesmo oferencendo algum auxílio(...)Podemos pensar sobre certa postura individualista, que alimenta nossos sentidos, sobretudo, de quem vive nos grandes centros urbanos; um comportamento que vai destituindo nossa consciência de conectividade, porém, diante de situações ímpares e supreendentes, no contexto da coletividade, poderá quebra nossas "redomas" e forçar-nos a olhar para o lado. A arte tem esse poder, de quase sempre, nos tirar da acomodação dos nossos paradigmas!

Emerson disse...

Muito bom o video ...

Heliane Fátima disse...

Muito legal o video, me fez refletir a existência do outro. No século XXI o capitalismo deixa as pessoas cada fez mais distantes umas das outras e o artista consegue chamar a atenção do público.Legal esta maneira de fazer arte.

All Bano disse...

AS ANTENAS SE REFLETEM NAS MOLDURAS DO PRÓPRIO ESPELHO!
SOMOS O REFLEXO DA NOSSA SINTONIA NAS ESTÂNCIAS ESTANTÂNEAS DA VIDA.

Madalena Maria disse...

As imagens me possibilitariam fazer uma abordagem sobre a utilização do corpo como parte da obra de arte.
Questões como a desmistificação do formato da obra por exemplo,onde as pessoas remetam à esculturas humanas móvewis que transmite grande dinamismo na ação.
Vejo neste tipo de arte ótimas possibilidades para atividades práticas em sala, que possibilita a inserção dos alunos na obra de arte, a quebra de paradígmas, por exemplo, a imobilidade que os grandes ícones da pintura transmitiam .
Este tipo de arte oferece aos alunos serem expectadores-artistas, interferindo na obra a seu modo, de forma que se insira no contexto que o artista quer transmitir.

maria cristina disse...

o video "day and night", me fez pensar que estamos sempre precisando um do outro assim como o dia precisa da noite.